Página Inicial

Akita Inu
Basset Azul da Gasconha
Basset Hound
Beagle
Beagle Harrier
Bobtail
Boiadeiro de Berna
Border Collie
Borzoi
Boxer
Braco Alemão
Braco Francês
Bull Terrier
Bulldog Francês
Bulldog Inglês
Bullmastiff
Cairn Terrier
Cane Corso
Caniche
Cão de Montanha dos Pirenéus
Cão d’Água Espanhol
Cão lobo Checoslovaco
Cavalier King Charles Spaniel
Chihuahua
Chow Chow
Cocker Spaniel Americano
Cocker Spaniel Inglês
Dálmata
Dobermann
Dogo Argentino
Dogo de Bordéus
Dogue Alemão
Dogue Canário
Fox Terrier
Galgo Afegão
Galgo Espanhol
Galgo Polaco
Golden Retriever
Husky Siberiano
Komondor
Labrador Retriever
Laufhund
Lébrel Irlandês
Malamute-do-Alasca
Maltês
Mastiff
Mastim dos Pirenéus
Mastim Espanhol
Mastim Napolitano
Norfolk Terrier
Norwich Terrier
Papillon
Pastor Alemão
Pastor Australiano
Pastor Belga
Pastor Branco Suíço
Pastor Catalão
Pastor de Beauce
Pastor de Brie
Pastor dos Pirenéus
Pequeno Azul da Gasconha
Pequeno Basset Griffon
Pequeno Brabançon
Pequeno Cão Leão
Pequeno Cão Russo
Pequinês
Perdigueiro de Burgos
Perdigueiro português
Pinscher Miniatura
Pit Bull
Podengo Canário
Podengo Ibicenco
Pointer Inglês
Pug
Rafeiro do Alentejo
Rottweiler
Rough Collie
Samoiedo
São Bernardo
Schnauzer Gigante
Schnauzer Miniature
Schnauzer Standard
Setter Gordon
Setter Inglês
Setter Irlandês
Shar Pei
Shih-Tzu
Smooth Collie
Spaniel Bretão
Spaniel Francês
Spaniel Japonês
Spitz
Springer Spaniel de Gales
Springer Spaniel Inglês
Teckel
Terra-nova
Terrier Escocês
Weimaraner
West Highland White Terrier
Whippet
Yorkshire Terrier

Perdigueiro português

RAÇA PERDIGUEIRO PORTUGUÊS Cães Perdigueiro Português
Origem: -
Aptidões particulares:Cão de caça, de companhia
Esperança de vida: -
Tamanho do macho: 56 cm. aprox.
Peso do macho: 20 - 27 kg. aprox.
Tamanho da fêmea: 52 cm. aprox.
Peso da fêmea: 16 – 22 kg aprox.
Padrão FCI: Número 187 - Grupo 7

Origem e história da raça

Seria arriscado afirmar como certo uma precedência determinada, porque está ainda se desconhece. Também se pensam hipóteses sobre a sua origem. A que mais adeptos têm é a que diz que é uma raça proveniente do Oriente e que a sua existência na Península Ibérica se remonta a uma época medianamente distante.

A sua presença em Portugal desde das últimas décadas do século XIV está registada quase com total segurança. Sendo assim, podemos admitir que no percurso dos tempos e pela consequência de influências de diferentes naturezas, as modificações produzidas sobre a raça de origem se encontram no cão actual. Nestas condicionantes, podemos considerar o cão Perdigueiro Português como um cão nativo, constituindo uma raça local perfeitamente bem definida graças às suas características morfológicas, dinâmicas e psíquicas.  

Temperamento e carácter


Cão extremamente afectuoso e submisso às ordens do seu dono. É um animal sociável, apesar de um pouco impetuoso com os da sua raça. A sua aparência é graciosa e o seu temperamento tranquilo apesar de ser um cão vivaço. As suas atitudes são de uma plasticidade muito interessante. Raça equilibrada e afectuosa, se sente muito perto das crianças. Obediente e fácil de educar, não é agressivo nem com os desconhecidos nem com outros cães.

Investigador tenaz e activo, o cão Perdigueiro Português rastreia o terreno com a constância e a tenacidade de um explorador teimoso, procurando com insistência a pista que o levou até lá. Proporciona ao caçador uma subtileza extraordinário do seu olfacto e entrega na busca toda a sua atenção, conhecimento e experiência.

Perdigueiro Português

Características físicas

De estrutura e conjunto harmonioso e bem constituído, o Perdigueiro Português possui uma estrutura sólida acompanhada de uma grande flexibilidade de movimentos. A sua cabeça é proporcionada ao tamanho do corpo apesar da causa da sua forma lhe dá a impressão de ser de dimensões maiores. Possui um pescoço direito, ligeiramente torneado no seu terço superior, alargado e com uma papada curta. O seu pescoço se introduz no tórax sem transição apreciável, constituindo um conjunto harmonioso e perfeito.

A sua trufa forma um rectângulo perfeito com a testa e o lábio superior. Os seus olhos são igualmente simétricos, e olham para a frente. São grandes, ovais e de diferentes tons de castanho, apesar de normalmente escurecidos. O olhar desta raça de cães mostra a sua vivacidade. O seu olhar é muito expressivo.

O pêlo deve ser curto, forte e não demasiado suave nem denso excepto nas axilas. A cor do Perdigueiro Português pode ser amarela, castanha, unicolor ou manchada de branco.